sábado, 3 de abril de 2010

Sem saída

Procurei uma saída mas , todas estavam, trancadas, olhei para trás e vi que ele ainda estava lá. Não dava pra sair e nem dava pra voltar, e agora? ficarei para sempre nessa escuridão? Quando uma luz se acendeu tudo ficou mais claro, então pude ver. É claro que não dava pra sair! A porta estava trancada e a janela fechada. É pelo que parece vou ter que ficar aqui o resto da eternidade, foi ai que notei ele se movendo, ele veio ao meu encontro, então suei frio, sua presença me dava arrepios lágrimas escorriam de meus olhos, ele nunca me deixaria em paz senti isso em seus olhos.
Foi ai que meu pai chegou e matou o rato.



Eu amo magia
bjs

2 comentários:

Gabriel Cavalcante disse...

Estou impressionado com a sua capacidade de fazer os outros rirem ( Falei bonito ), kkkk essa foi muito boa, nunca mais postei aki num foii, pois é voltei

KYKA disse...

Naw so vc mesmo Lilly*
Achei q ia ser uma coisa linda de amor e era um rato*kkkkkkkkkkk